Após eleição na CBF, Heitor retorna a Porto Velho e reúne funcionários

Após eleição na CBF, Heitor retorna a Porto Velho e reúne funcionários

O presidente da Federação Paulista de Futebol (FPF), Marco Polo Del Nero, foi eleito na quarta-feira para a presidência da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) para o período de 2015 a 2018. Del Nero assumirá o cargo em abril do ano que vem em substituição a José Maria Marin e disse que era o candidato da continuidade. Presente à eleição, o presidente da Federação de Futebol do Estado de Rondônia (FFER), Heitor Costa, destacou todo o trabalho desempenhado pela entidade maior do futebol nacional e a certeza do compromisso do presidente eleito.
Heitor embarcou ainda na quarta-feira para Porto Velho e na manhã desta quinta-feira estará reunido com os funcionários da FFER. “Temos o compromisso e por isso embarquei de imediato para Porto Velho para, dentre outros assuntos, desejar uma feliz Páscoa a todos os funcionários e parceiros da entidade maior do futebol rondoniense”, ressaltou Heitor, destacando que em razão do feriado da Semana Santa, as atividades na FFER serão retomadas na terça-feira.
ELEITO
Continuidade administrativa, segundo Marco Polo Del Nero, à gestão exemplar conduzida pelo presidente José Maria Marin, da qual faz parte como vice-presidente, e traduzida em duas grandes ações que ficarão como herança positiva para futuras gerações de dirigentes.
- Considero a construção do novo Centro de Treinamento da Seleção Brasileira, na Granja Comary, e da sede própria da CBF como grandes marcos da administração do presidente Marin.
Marco Polo acrescentou ao círculo virtuoso imprimido por Marin à frente da CBF outros dois grandes feitos: a revitalização da Série C e a criação da Série D.
- Quando o presidente Marin assumiu, os clubes não queriam mais disputar a Série C. Já a Série D sequer existia. A CBF deu nova estrutura à Série C e total apoio financeiro à Série D. Só não pagamos os salários dos jogadores, o resto, transporte, hospedagem e alimentação, a entidade "banca" totalmente.
O presidente eleito demonstrou modéstia ao falar dos seus planos para quando assumir a entidade.
- Nesses anos todos, como dirigente esportivo, aprendi com muitos companheiros, como tem acontecido neste convívio com o presidente Marin. O homem inteligente é aquele que procura aprender cada vez mais.



Autor: assessoria: paulo ricardo