Cautela é a palavra de ordem do Rondoniense diante do Cacoalense

Cautela é a palavra de ordem do Rondoniense diante do Cacoalense

A vitória de 2 a 1 diante do União Cacoalense, no último sábado - no primeiro jogo da Semifinal do Campeonato Rondoniense Sub-16, deu ao Clube Atlético Rondoniense uma certa vantagem na briga pela grande final da competição. Mas a palavra de ordem passada pelo treinador Marcos Sequetto é cautela para o segundo e decisivo jogo da semi que será disputado neste sábado, no CT Rondoniense.
O treinador do Rondoniense sabe da força do seu time, mas não menospreza o adversário que tem demonstrado grande potencial neste competição. A briga deste sábado vale não somente a vaga para a grande final, como garante a permanência pela disputa visando a vaga para a Copa Rio de Janeiro de 2014.

“Assim como nos chegamos em Cacoal e buscamos o resultado, eles também têm condições de vir a Porto Velho e buscar a virada. Por isso, temos que conversar com o grupo e continuar trabalhando forte e segurar a vantagem”, disse o treinador.
O técnico do Cacoalense, Simôno Veiga, sabe da pressão que o time irá receber em Porto Velho. Durante toda esse semana, o treinador do Cacoalense fez algumas mudanças para o confronto, mas ainda guarda segredo quanto à escalação para a “decisão”.
Simônio acredita que o nervosismo foi mais um adversário do time na primeira partida da semifinal. “Nossa ideia é fazer em Porto Velho um jogo bem acima da média, do que foi feito em Cacoal”.



Autor: assessoria: paulo ricardo